MAES NO VIRADÃO VITÓRIA

18/09/2018

 

 

Nos dias 07 e 08 de Setembro o Maes integrou a programação do Viradão Vitória 2018, promovida pela Secretaria Municipal de Cultura (PMV) em parceria com a Secretaria de Estado da Cultura.

 

No dia 07 de Setembro:

 

Aconteceu o Maes na Fachada, que projetou na porta do museu 75 trabalhos de 27 artistas, incluindo imagens do acervo. A ação é anual e este ano fez parte da programação do Viradão Vitória e teve como objetivo levar a arte pra fora do museu e atrair olhares diversos e interação da população.

 

Diversas técnicas fizeram parte dessa exibição: ilustrações, mosaicos, colagens, desenhos digitais, serigrafias, pinturas, gifs, fotografias, videoarte, videoperformances, curtas. Dentre elas, transpassam temáticas do imaginativo feminino, negritude e empoderamento, resistência LGBT, reflexões sobre corpo, cotidiano, rotina, lugares e não-lugares, existência e coexistência dos espaços. A correlação entre temas, técnicas e valores criam uma pluralidade que revelam a complexidade, os conflitos e questões da contemporaneidade.

 

ARTISTAS PARTICIPANTES

 

Dionísio Del Santo (acervo), Tatiana Goldring, Igor Maia, Elpídio Malaquias (acervo), Georgia Stefanelli, Natália Pezzin, Hugo Signorelli, Ana Ximenes , Gabriela Carvalhos, Raphael Samú (acervo), Coletivo LARANJA, , Clara Campos, Luiz Will Gama, Raoni Iarin, Rebeca Ribeiro, Gabriel Caetano, Khalil Rodor, Ione Reis, Charlene Bicalho, Vânia Claus, Nice Nascimento Avanza (acervo), Gabriel de Rezende, David Souza, Felipe Lacerda, Heitor Amorim, Reyan Perovano, Renan Andrade, Herik Wooleefer, Jessica Correa, Jean R, Natália Farias.

 

No dia 08 de Setembro:

 

O museu continuou com as programações e recebeu a exposição do “MERGULHO_estratégias para emergir” e uma Oficina de Origami com a equipe educativa do MAES.

 

A exposição MERGULHO_estratégias para emergir concebeu trabalhos experimentais que estimulavam a reflexão e o debate acerca dos processos educativos em artes visuais no Espírito Santo.

 

Os autores dos trabalhos foram participantes da formação “MERGULHO: Experiencia Imersiva em Arte e Educação”, que aconteceu nos meses de julho e agosto no espaço do MAES e a exposição resultou das ações que remetiam as experiências desses educadores-artistas durante os dias de curso.

 

Educadores – artistas responsáveis:

 

Adriane Nunes, Aislane Martins, Amanda Amaral, Ana Motta, Anielle Paola, Maria Eduarda Neves, Jéssica Sampaio, Juan Gonçalves, Lindomberto Ferreira Alves, Rebeca Ribeiro e organização de Ludmilla Cayres e Rafael Dias.

A oficina de origami foi ministrada por Gabriel Garcia Abou Ali, mediador do museu.  Para a laboração desta oficina foi pensado as relações com o publico do museu e questões da materialidade no papel. Foi apresentada a origem do origami e de sua cultura, além de atividades praticas que buscavam representações de animais.

 

 

Please reload

Fale com a nossa equipe

Siga-nos
  • Facebook Long Shadow
  • Twitter Long Shadow
  • Instagram Social Icon

© 2023 por Sandro Esteves. Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now