MERGULHO: Experiência Imersiva em Arte e Educação

13/06/2018

 

A mediação cultural e outros processos educativos em artes visuais serão discussões centrais do MERGULHO: Experiência Imersiva em Arte e Educação, que acontecerá entre os dias 20 de julho e 20 de agosto, em Vitória (ES). O projeto será realizado em parceria com o MAES, Museu de Arte do Espírito Santo Dionísio Del Santo, que receberá os encontros.

 

Em onze encontros presenciais, a proposta de formação contará com a participação de seis pensadores e articuladores do campo da arte e educação do cenário local e nacional. “MERGULHO tem como principal objetivo estimular a reflexão e o debate acerca de processos educativos em arte que se dão no Espírito Santo, no que se refere a práticas que atravessam a mediação cultural, curadoria educativa, educação patrimonial e outros processos, sejam eles formais, não formais e/ou informais”, comenta Ludmila Cayres, uma das organizadoras e artistas-educadoras do projeto.

 

Em busca de um diálogo entre diversos setores da cultura e da arte, o projeto é voltado para profissionais e pesquisadores atuantes no campo da arte, cultura e educação, como mediadores, estudantes universitários, professores do ensino básico e superior, curadores, produtores culturais e gestores de cultura em geral.

 

A abertura da formação será feita pelo mediador e artista Diogo de Moraes (SP), seguida pela imersão ministrada pelos educadores Juan Gonçalves (ES) e Luca Peçanha (ES). A terceira imersão será proposta por Mara Pereira (RJ-ES). O projeto se encerrará com a condução da artista-educadora Ludmila Cayres (ES-SP) e do educador Rafael Dias (ES), que orientarão a organização de uma exposição-registro que será proposta pelos próprios participantes das imersões, no espaço educativo do MAES.

 

Nos quatro momentos imersivos, o processo de formação será composto por um grupo fixo, que deverá participar do projeto de forma integral. As inscrições deverão ser feitas no formulário disponibilizado na fan page e no site do projeto (eumergulho.com.br) até o dia 22 de junho. No cronograma das ações também estão incluídas três Falas Abertas, às sextas-feiras, no auditório do MAES. Realizadas no primeiro dia de cada imersão, elas serão abertas ao público, sem a necessidade de inscrição prévia.

 

Diogo de Moraes é mediador, artista e, atualmente, assistente técnico cultural no Sesc São Paulo, na Gerência de Estudos e Desenvolvimento. Como mediador, colabora com o grupo Mediação Extrainstitucional. Como mediador e artista, busca produzir cruzamentos entre as problemáticas e possibilidades da mediação cultural e as práticas e vocabulários da arte, com ênfase nos processos documentários. Defendeu, em 2017, sua pesquisa de mestrado na linha de Poéticas Visuais, na Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, sob o título “Públicos em emergência: modos de usar ofertas institucionais e práticas artísticas”, dissertação que incluí o desenvolvimento do “Diário do busão: visitas escolares a instituições artísticas”. http://diogodemoraes.net

 

Juan Gonçalves está finalista no curso de Artes Plásticas - Bacharelado, na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Desde 2014 atua como educador e mediador cultural em instituições públicas, como o Museu de Arte do Espírito Santo - MAES e privadas, como o Centro Cultural Sesc Glória. Tem levantado desde então, por meio de conversas e jogos de mediação, questionamentos a respeito da posição e a relação que o público tem com o espaço institucional, buscando exercícios de ressignificações dessas posições. Hoje, como mediador no Museu Capixaba do Negro - MUCANE, pesquisa a prática da mediação enquanto ação artística simultaneamente aos atravessamentos que compõem sua existência como corpo negro.

 

Luca Peçanha é mediador independente, artista, e atuou em instituições culturais na cidade de Vitória. É aluno do curso de licenciatura em artes visuais pela Universidade Federal do Espírito Santo, onde desenvolve uma pesquisa acerca dos processos mediativos na arte contemporânea e sua relação com as políticas de acesso aos bens culturais.

 

Ludmila Cayres é mãe, artista, educadora e produtora cultural. Graduada em Artes Plásticas pela UFES, participou de projetos, experiências artísticas e exposições coletivas com propostas de tornar o espaço expositivo um lugar ativo de discussão. Como educadora busca uma aproximação entre sua prática artística e educativa, investigando processos de desescolarização em espaços culturais. Nos últimos anos a artista propôs e participou de projetos independentes de arte-educação, foi mediadora em espaços culturais e educadora em projetos sociais. Em 2013 foi aprovada no Edital 040/2013 de Valorização da Diversidade Cultural pela Secult/ES com o Projeto NO QUINTAL: Práticas e Conversações sobre os Jardins de Infância. Neste mesmo ano colaborou com as ações educativas nas exposições da Galeria Homero Massena. De 2014 a 2016 atuou como Coordenadora do Núcleo de Ação Cultural e Educativa do Museu de Arte do Espírito Santo (MAES), período em que desenvolveu um Programa Público de Formação para a instituição, no qual incluíram ações como o Laboratório de Criação em Mediação de Arte e o Laboratório da Dúvida. Foi mediadora na 32ª Bienal de São Paulo - Incerteza Viva em 2016. Em 2017 reorganizou a proposta de laboratório de mediação, que se passou a se chamar o Laboratório Criativo de Mediação, acontecendo novamente no MAES, em parceria com o Centro Cultural SESC Glória e mais recentemente em 2018, na Casa Porto das Artes Plásticas em Vitória. Contribuiu como produtora e consultora de projetos na OÁ Galeria - Arte Contemporânea (ES) e, atualmente participa como educadora do Programa Educativo da 33ª Bienal de São Paulo - Afinidades Afetivas.

 

Mara Pereira é mulher preta, mãe, educadora e pesquisadora. Desenvolve pesquisas e projetos voltados para educação, artes visuais, mediação cultural, literatura infantil, infâncias e relações étnico-raciais. É doutoranda em Educação, na linha Educação, Formação Humana e Políticas Públicas (PPGE - UFES), e integra o grupo de pesquisa Infância, Educação, Sociedade e Cultura (IESC - UFES). É mestra em Artes (PPGARTES-UERJ), especialista em História da Arte e Arquitetura no Brasil (PUC-RJ), com bacharelado em Produção Cultural. Foi coordenadora de educação da Biblioteca Parque Estadual, Fundação Eva Klabin, CCBB-RJ, Núcleo Experimental de Educação e Arte do MAM-RJ, tendo trabalhado como supervisora no Museu de Arte do Rio, e como educadora no Paço Imperial e no MAC-Niterói. Em parceria com Tatiana Rosa, desenvolveu o projeto Ku Sanga: infâncias e relações étnico-raciais, no Raiz Forte Espaço de Criação, em Vitória (ES).

 

Rafael Dias é licenciado em Artes Visuais pela UFES. Atua como mediador cultural desde 2005 em espaços culturais da Grande Vítória como Museu Vale, Galeria Homero Massena, Galeria de Arte Espaço Universitário, Palácio Anchieta, Museu de Arte do Espírito Santo (MAES), Centro Cultural Sesc Glória e Sesi Arte Galeria. Foi colaborador do programa educativo da Galeria Homero Massena entre os anos de 2012 e 2014. Em 2015 participa do Laboratório de Criação em Mediação de Arte no MAES, conduzindo encontros com a equipe de mediadores do museu e de outros espaços. O Laboratório teve como desdobramento a publicação "NDA - Nuvem de Desejos Atravessados", com conteúdo gerado colaborativamente pelos participantes. Atualmente anda com a bússola do desejo apontada para o exercício da luteria.

 

 

SERVIÇO

 

MERGULHO: Experiência Imersiva em Arte e Educação

Inscrições para imersões: de 12 a 22/06, por meio de formulário disponível no site http://eumergulho.com.br

 

FALAS ABERTAS:

Por uma mediação documentária, com Diogo de Moraes (SP). 20/07, das 19 às 21h

Local: Museu de Arte do Espírito Santo (MAES)

 

De rolê pelas brechas da cidade, com Juan Gonçalves (ES) e Luca Peçanha (ES). 27/07, das 19 às 21h

Local: Museu de Arte do Espírito Santo (MAES) e entorno.

 

Mediação cultural: responsabilidade pública e afirmação das diferenças, com Mara Pereira (RJ|ES).

03/08, das 19 às 21h

Local: Museu de Arte do Espírito Santo (MAES)

 

Projeto Mergulho eumergulho.com.br facebook.com/experienciamergulho www.instagram.com/_mergulho

E-mail: projetomergulho@gmail.com

 

Diego Nunes | Assessoria de Comunicação

+55 27 998-601-959

Please reload

Fale com a nossa equipe

Siga-nos
  • Facebook Long Shadow
  • Twitter Long Shadow
  • Instagram Social Icon

© 2023 por Sandro Esteves. Orgulhosamente criado com Wix.com

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now